quinta-feira, 8 de julho de 2010

Brasil precisa de R$ 13 bi ao ano em rodovias, diz Abdib


8/7/2010
Folha de S. Paulo


                               
Seriam necessários investimentos de R$ 12,6 bilhões por ano ao longo de uma década, sem interrupção, para que o Brasil tivesse uma malha rodoviária considerada satisfatória.
O cálculo é da Abdib (associação de indústrias de base), que considera que o país precisa ampliar as concessões para o setor privado.
O país tem cerca de 12 mil km de estradas com potencial para concessões que poderiam ser recuperadas em prazo de 30 meses, segundo o vice-presidente-executivo da Abdib, Ralph Terra.
Atualmente, a iniciativa privada administra 15.130 km de rodovias, o que representa 9% da extensão da malha brasileira pavimentada.
A terceira fase do programa de concessões federais está em análise no TCU (Tribunal de Contas da União). O órgão exige que novos estudos de viabilidade técnica e econômica sejam realizados, o que atrasaria o leilão em até três anos, diz a Abdib.
"Estamos acompanhando o processo de avaliação no TCU para que, tão logo isso seja liberado, a Agência Nacional de Transportes Terrestres possa iniciar o processo de licitação", diz Terra.
Em 1997, 8% das estradas analisadas pela Confederação Nacional dos Transportes registravam condições boas ou ótimas para tráfego. Em 2009, o indicador atingiu 31%. A extensão considerada péssima ou ruim representa hoje 24% da malha avaliada, contra 2,9% em 1997.

Nenhum comentário:

Postar um comentário